Eventos e Cursos

Em tempo de escassez, compartilhar água é o tema central do 8º Fórum Mundial da Água

Da redação (Justiça em Foco), com STJ. - sexta, 02 de fevereiro de 2018
 

Brasília sediará o 8º Fórum Mundial da Água, evento que vai promover um espaço de diálogo e intercâmbio de experiências e boas práticas relacionadas ao uso racional e sustentável da água.

O evento acontecerá no período de 18 a 23 de março e deve reunir mais de dez chefes de Estado, além de especialistas internacionais no tema e representantes de órgãos oficiais e organizações não governamentais, empresas, entidades da sociedade civil e do Poder Judiciário.

Esta será a primeira vez que um país do Hemisfério Sul sediará o fórum e a primeira vez que representantes do Poder Judiciário participarão do evento, sob a coordenação do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Herman Benjamin.

O tema central desta edição é “Compartilhar a água”. Nela, serão discutidos assuntos como mudanças climáticas, gestão de recursos hídricos, saneamento e saúde, ecossistemas, biodiversidade, segurança hídrica e produção sustentável.

Segundo o diretor executivo do fórum, Ricardo Andrade, governador do Conselho Mundial da Água, além ser uma oportunidade única de mostrar ao mundo o que o Brasil tem feito em relação ao tema, o evento tem como objetivo promover o engajamento da sociedade, dos gestores e do poder público. “Temos uma parcela da população que não participa desse processo e que precisa estar envolvida nele. O evento, acima de tudo, traz educação e consciência ambiental”, afirmou.

Novidade

O Fórum Mundial da Água acontece a cada três anos e é uma iniciativa do Conselho Mundial da Água, organização internacional sediada na França. O evento promoverá mais de 200 debates, além de atividades educativas, informativas e culturais.

Outra novidade trazida para a edição brasileira será a Vila Cidadã, um espaço gratuito e aberto a toda a população, que contará com arena de debates, exposições, palestras, cinema, artesanato, talk shows e espaço gourmet.

A Vila Cidadã será montada no Estádio Nacional Mané Garrincha, próxima ao local dos debates, o Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

Além do Conselho Mundial da Água, o evento é organizado pelo Ministério do Meio Ambiente, representado pela Agência Nacional das Águas, e pelo Governo do Distrito Federal, representado pela Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal.

As sete edições anteriores do evento foram realizadas em Marrakesh (Marrocos, 1997), Haia (Holanda, 2000), Kyoto (Japão, 2003), Cidade do México (México, 2006), Istambul (Turquia, 2009), Marselha (França, 2012) e Gyeongju e Daegu (Coreia do Sul).

Serviço

As inscrições estão disponíveis no site do evento até 28 de fevereiro.
Data: 18 a 23 de março de 2018
Debates: Centro de Convenções Ulysses Guimarães
Vila Cidadã: Estádio Nacional Mané Garrincha