Geral

Golpes utilizam o coronavírus como desculpa para roubar dados pessoais

Por João Camargo Neto - quinta, 19 de março de 2020
 

Especialista explica como identificar links suspeitos e evitar esse tipo de armadilha


Em meio à pandemia de coronavírus, além dos cuidados para evitar a doença, o usuário da internet tem que ficar atento ainda a outro tipo de ameaça: golpes aplicados através de aplicativos de mensagens para o roubo de dados pessoais. Segundo Rafael Maciel, advogado especialista em Direito Digital e Proteção de Dados Pessoais, o usuário deve redobrar a atenção ao receber links com endereços suspeitos, e nunca fornecer dados pessoais a sites desconhecidos.

Um dos golpes que vêm sendo aplicados durante a pandemia do coronavírus é a oferta gratuita de álcool gel e máscaras para usuários que preenchem um formulário informando dados pessoais. A prática foi detectada pela empresa de cibersegurança Kaspersky. Rafael Maciel explica que o primeiro passo para evitar ser vítima de uma armadilha como esta é verificar a origem do link. “Confira se o link pertence a um domínio conhecido e se não há discrepância entre o nome do site e o endereço”, explica.

O advogado também alerta para a necessidade de confirmar em sites de notícias se existe alguma informação concreta a respeito do que se divulga no link suspeito. “Além disso, vale lembrar que nunca é uma boa ideia fornecer dados pessoais a um site desconhecido”, reforça.

Justiça concede remição a preso que estudou sozinho