Geral

UBAM defende vacina com dose única e eficácia de 3 anos, a Covaxx

Da redação com Informações da UBAM. - terça, 23 de março de 2021
 

O presidente nacional da União Brasileira de Municípios, executivo Leonardo Santana (foto), em entrevista coletiva, no Ministério da Saúde, defendeu que Estados e Municípios devem priorizar a aquisição da Vacina Covaxx, imunizante fabricado pelo Laboratório americano Biomedical, devido a eficácia de três anos de imunização e administração de dose única, algo que, segundo ele, se constituirá numa economia de até 100% dos recursos que serão empregados para compra de vacinas.

Leonardo lamentou a morosidade de toda logística que envolve os municípios e garantiu que vai pedir ao Ministro recém empossado da saúde, o cardiologista Marcelo Queiroga, que convoque todos os governadores para uma ação conjunta com o Mistério da Saúde, para a encomenda de 200 milhões de doses, o que viabiliza a imunização de quase totalidade da população, com um investimento bem inferior ao que está sendo feito para aquisição de outros imunizantes, que obrigam a população a tomar segunda dose e só garante eficácia de até um ano livre da Covid-19.

Logística de distribuição com Estados e Municípios

Segundo o dirigente municipalista, a logística de distribuição da vacina pode ser feita pelo Exército brasileiro, que dispõe de aviões, helicópteros e pessoal preparado para receber os contêineres no Aeroporto de Guarulhos e viabilizar sua entrega aos governos estaduais, que por sua vez farão chegar aos municípios.

Ele destacou que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), das 48 vacinas experimentais contra a Covid-19 que se encontram atualmente em testes clínicos em humanos, apenas 11 entraram na fase 3, a Covaxx, por sua vez, já será liberada pela ANVISA até o final do deste mês, possibilitando sua encomenda já ser adiantada.

A COVAXX é uma subsidiária da United Biomedical Inc (UBI), fundada em 1985, com sede em Nova York. A empresa é pioneira científica na criação de inovações tecnológicas, incluindo a fabricação e comercialização de mais de 100 milhões de exames de sangue de anticorpos e 5 bilhões de doses de vacinas contra doenças infecciosas. Desenvolveu e comercializa vacinas, testes de anticorpos de alta precisão da vacina COVID-19 que, juntos, forma um sistema único de Diferenciação de Indivíduos Infectados e Vacinados (DIVI).

“Este é o momento de união. Não se pode continuar essa guerra de interesses políticos ou ideológicos, enquanto centenas de milhares de famílias perdem seus entes queridos. Serão bilhões de reais economizados pelo governo, pois a compra de outras vacinas implica num gasto duplicado, por conta da necessidade de segunda dose, sem falar na eficácia de apenas 01 ano, o que se obrigará nova aquisição, implicando em outros estrondosos investimentos”. Ressaltou o presidente da UBAM.

Ele destacou também todas as vantagens da Covaxx, em relação às outras: Dose única, imunização por 3 anos, facilidade de armazenamento e sem efeitos colaterais.