OAB & CIA

Eleições OAB/DF: Campelo promete liderar movimento para que jovens advogados possam concorrer a cargos de diretoria

[email protected] - segunda, 03 de maio de 2021
 

BRASÍLIA - O pré-candidato a presidente da OAB-DF, Guilherme Campelo, quer uma composição jovem nos quadros da OAB. A proposta de Campelo vai ao encontro da categoria de jovens advogados que clama por representatividade. O pré-candidato aposta na participação daqueles que iniciam na profissão para fortalecer a Ordem, não apenas nos conselhos da instituição, mas também nos cargos da diretoria.

Em vigor, a Lei 13.875/2019 prevê a redução da cláusula de barreira, de cinco para três anos de exercício profissional, mas trata apenas das eleições para conselheiro seccional e subseccional da OAB. Campelo acredita que a participação política da entidade precisa inserir no legislativo o debate sobre o fortalecimento e a ampliação da participação jovem nos trabalhos da Ordem.

Na prática, Campelo quer que com três anos de exercício o advogado possa se candidatar a qualquer cargo nas chapas que disputam a diretoria da entidade ou ainda tenham a liberdade de concorrer ao cargo de conselheiro da Ordem nas seccionais.

“Nossa gestão vai liderar o movimento nacional para reconhecimento da capacidade representativa de 100% dos advogados. A alteração total do artigo da Lei 13.875/2019 vai permitir abertura da OAB. É um passo importante. Precisamos renovar e oxigenar a OAB. A jovem advocacia está perdendo a capacidade de acreditar na Ordem. Os jovens advogados olham para a OAB em não se veem representados”, arrematou.