Geral

Reportagem do Metrópoles alerta que profissionais não conseguem pagar a anuidade da OAB

[email protected] - terça, 04 de maio de 2021
 

BRASÍLIA - A problemática da inadimplência na OAB foi noticiada pelo site Metrópoles nesta terça-feira, 4/5. A questão não é novidade: o advogado Guilherme Campelo engajou-se na causa em abril do ano passado, no início da pandemia.

Desde o começo do isolamento social, muitos advogados enfrentam dificuldades financeiras, chegando até a fechar seus escritórios e exercer a profissão no ambiente doméstico a fim de reduzir gastos. A inadimplência nacional da Ordem alcançou o percentual de 75%.

Nesse contexto, o pré-candidato à presidência da OAB-DF Guilherme Campelo protocolou, em abril de 2020, uma solicitação à seccional OAB-DF com o intuito de isentar todos os advogados cadastrados de sua última parcela pendente, a qual ficou sem resposta. Porém, após insistência, em março desse ano, recebeu uma negativa do seu presidente, Délio Lins e Silva: “...o “pedido” do Requerente não se adequa aos ditames legais, refletindo apenas ideias politiqueiras que se distanciam da realidade”. 

Portanto, advogados seguem em uma preocupação de serem desligados da ordem, que diante da gravidade da crise econômica, não foi diplomática com os associados.

https://www.metropoles.com/brasil/pandemia-deixa-mais-de-40-mil-advogados-com-dividas-em-go-e-no-df