Poder Judiciário

Ministra da Igualdade Racial apresenta ao presidente do STF plano para melhorar condições de vida de jovens negros

Com informações do STF. - 20/03/2024
 

- Anielle Franco entregou ao ministro Luís Roberto Barroso o Plano da Juventude Negra Viva, que será lançado oficialmente nesta quinta-feira (21).-
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luís Roberto Barroso, recebeu hoje (20) da ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, o Plano da Juventude Negra Viva, que se propõe a reduzir a violência letal contra jovens negros e solucionar problemas como a evasão escolar, além de promover a empregabilidade e permitir o acesso dessa parcela da população brasileira à renda e cultura.

O plano será lançado nesta quinta-feira (21), em solenidade que contará com a presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Barroso também recebeu da ministra uma camiseta com os dizeres “Brasil pela Igualdade Racial”.

Bolsas para magistratura
No encontro, o presidente do STF detalhou ações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), como o programa de bolsas para candidatos negros à magistratura. O projeto, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, consiste na arrecadação de dinheiro na iniciativa privada para financiar bolsas para que candidatos negros possam se dedicar ao concurso e efetivamente preencher as vagas.

Segundo Barroso, a iniciativa visa mudar a demografia do Poder Judiciário, fazendo com que ela retrate melhor a sociedade brasileira.